EM TELA: “Secrets of the Saqqara Tomb” – O simbolismo da arqueologia

Imagem: Canva/Netflix

Os segredos de Saqqara deram origem a um documentário bastante interessante em termos históricos e de compreensão da humanidade. Saqqara situa-se no deserto que envolve o Egito e é uma das cidades mais importantes daquele país e, quiçá, do mundo, em termos arqueológicos. Esta cidade conta já com milhares de descobertas do Egito antigo (estátuas, túmulos…) e carrega um poder de riqueza cultural muito elevado.

O mundo da história e arqueologia oferece-nos a possibilidade de conhecer o mundo antes da nossa existência. O documentário, que foi gravado em tempo real, faz-nos perceber um contexto de dificuldade de financiamento que existe para a exploração deste terreno. E aqui, entramos num fator que, normalmente, não é abordado. A descoberta de artefactos faz parte da descoberta de uma história e, por isso, esta, sem sombra de dúvida, faz parte da cultura. Como normalmente sabemos, a cultura é, por vezes, marginalizada e acontece um pouco por todo o mundo. Em termos arqueológicos, esta pode mover equipas de centenas de pessoas que podem demorar meses a descobrir algo relevante, o que envolve a necessidade de um elevado financiamento.

Num período recente, uma equipa americana demorou meses a descobrir um artefacto, quando, neste documentário, foram encontradas centenas de tesouros num espaço de tempo muito menor. Por que terá acontecido este fenómeno? Normalmente, neste tipo de documentários, estamos habituados à presença de equipas inglesas ou americanas com peritos da arqueologia, antropologia e de inúmeras áreas envolventes. O que não acontece neste documentário! A equipa que explora as terras de Saqqara é uma equipa de egípcios especializados em arqueologia e egiptologia. E vamos ser sinceros… Existirá alguém melhor para estas descobertas?

É impossível expressar nesta crítica a riqueza que este documentário tem em termos de conteúdo. Este carrega um valor histórico e cultural num contexto que jamais será esquecido. Fez-se história no Egito… e no mundo!

Vejam o trailer oficial desta obra:

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta