12.ª Jornada da I Liga: FC Porto sobe ao segundo lugar

Foto: Ana Regina Ramos/Canva

Esta 12.ª jornada da I Liga de futebol ficou marcada pela contínua liderança do Sporting CP no primeiro lugar da tabela classificativa ao vencer por 2-0 o SC Braga. É de realçar ainda a subida do FC Porto ao segundo lugar do pódio, ficando com os mesmos pontos que o rival SL Benfica, com 28 pontos (que passou para a terceira posição).

O jogo entre o Vitória SC e o CD Nacional ficou adiado devido a casos positivos na equipa vimaranense.

Sábado, 02 de janeiro: Sporting CP 2 – 0 SC Braga

Num duro teste à liderança, os ‘leões’ até entraram bem na partida, mas viram o SC Braga crescer e criar várias ocasiões de golo, chegando mesmo a introduzi-la no fundo das redes, como por exemplo, num golo anulado pelo VAR a Paulinho, por fora de jogo.

Pedro Gonçalves e Matheus Nunes marcaram os golos que fizeram a diferença no resultado em Alvalade.

Com este resultado, o Sporting CP permanece no primeiro lugar com 32 pontos, já o SC Braga está com 24 na quarta posição.

 

Domingo, 03 de janeiro: CD Tondela 1 – 0 FC Famalicão

Uma primeira parte sem golos, em que o FC Famalicão desperdiçou uma grande penalidade, por Lameiras, que acertou na trave. Um golo solitário de Mario González, aos 52 minutos, fez a diferença para o CD Tondela. Pouco depois, o FC Famalicão acertou mais uma bola nos ferros e pressionou intensamente até ao apito final, sem nunca conseguir. Já no período de descontos, o FC Famalicão ainda pediu nova grande penalidade, mas o árbitro da partida não atendeu e o marcador não mexeu mesmo.

As duas equipas entraram para o encontro separadas por apenas dois pontos e ambas vindas de uma série de quatro jogos seguidos sem vencer na prova. Esta vitória permite ao CD Tondela chegar aos 12 pontos, em 13.º lugar e o FC Famalicão está em 14.º, logo a seguir, com 11 pontos.

CS Marítimo 0 – 0 Boavista FC

O Boavista FC somou o sexto jogo consecutivo sem vencer na I Liga portuguesa de futebol, ao empatar a zero na visita ao CS Marítimo. No Funchal, os ‘axadrezados’ interromperam a série vitoriosa do CS Marítimo, que tinha triunfado nos últimos dois jogos.

O CS Marítimo encontra-se em oitavo lugar, com 14 pontos, enquanto o Boavista FC está na zona de despromoção, em 17.º, com 10 pontos.

FC Paços de Ferreira 2 – 0 Rio Ave FC

A equipa pacense, que vinha de três jogos sem triunfos na prova, adiantou-se aos 24 minutos, por Douglas Tanque, avançado brasileiro que ‘bisou’ no encontro, aos 56.

Com esta vitória, o FC Paços de Ferreira reforça o sexto posto, com 19 pontos, enquanto o Rio Ave FC ocupa o 16.º lugar, com 11.

FC Porto 3 – 0 Moreirense FC

O FC Porto entrou em campo à procura da vitória, com Sérgio Conceição a voltar a ter Mbemba no centro da defesa, deu a titularidade a Luis Díaz e manteve a dupla Taremi – Marega na frente. Aos 14 minutos, Pasinato travou uma jogada de entendimento entre Marega e Taremi. Depois, foi Luis Díaz a rematar contra um contrário, dentro da área, aos 19, após passe de Sérgio Oliveira.

Aos 20 minutos, Manafá meteu em Corona, o mexicano foi travado na área por Ferraresi, com uma entrada fora de tempo. Grande penalidade que Sérgio Oliveira converteu, aos 22 minutos.

O segundo golo dos portistas surgiu aos 88 minutos pelo pé de Toni Martínez, que dez minutos antes viu um golo seu anulado por fora de jogo. Já nos minutos de compensação, surge o último e terceiro golo da noite, aos 90+1, por Evanilson.

A equipa campeã nacional chega assim ao segundo lugar, com 28 pontos, os mesmos que o SL Benfica, que passou para a terceira posição. O Moreirense FC está em décimo lugar, com 13.

 

Segunda-feira, 04 de janeiro: Gil Vicente FC 0 – 0 Belenenses SAD

O Gil Vicente FC entrou em jogo sem três habituais titulares, Denis, Ygor Nogueira e João Afonso, infetados com o novo coronavírus.

Com este empate a equipa de Barcelos, com 13 pontos, está na 11.ª posição e o Belenenses SAD logo a seguir em 12.º lugar, com 12 pontos.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta