Portugal empata frente à Servia

Foto: Edoardo Busti/Unsplash

Num jogo dominado por Portugal na primeira parte, em que Diogo Jota marcou os dois golos, a Sérvia subiu na partida já no segundo tempo, altura em que acabou mesmo por reduzir para um empate.

Em Belgrado, Fernando Santos apresentou-se com meia equipa renovada face à que defrontou o Azerbaijão. Diogo Jota, com dois cabeceamentos (aos 11 e aos 36 minutos), fez com que a seleção das quinas chegasse ao 2-0, contudo, depois, ‘permitiu’ a recuperação sérvia, mas a imagem mais forte que fica acaba por ser o golo que o árbitro ‘não quis’ validar a Cristiano Ronaldo, já nos minutos de compensação da segunda parte.

O capitão de Portugal enviou a bola para a baliza deserta, após ganhar o lance ao guarda-redes adversário, e Mitrović tirou a bola já para lá da linha, só que o árbitro holandês Danny Desmond Makkelie não viu, o árbitro auxiliar também não e não tinham ajuda de VAR. Revoltado, Cristiano Ronaldo não se poupou nos protestos e acabou por ver cartão amarelo.

Os dois jogos do grupo A do apuramento europeu para o Mundial2022 de futebol deixam sérvios e portugueses na frente, com quatro pontos, enquanto os luxemburgueses saltam para o terceiro lugar, com três pontos.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta