O que é a sopa seca?

O primeiro fim de semana de outubro em Duas Igrejas (Penafiel) é reservado à festa em honra de Nossa Senhora do Rosário, mais conhecida como Festa da ‘Sopa seca’.

O Jornal Referência foi tentar perceber como é feita esta sobremesa tão apreciada na zona.

Fernanda Pinto costuma fazer sopa seca para dar aos amigos e revela-nos os ingredientes deste doce: mel, açúcar, canela em pó, água fervida com canela em pau e casca de limão.

Antes de ir ao forno, o pão deve ser molhado na calda que foi feita anteriormente e, em seguida, passado por açúcar e canela.

Fernanda conta que a tradição da sopa seca surgiu através de uma senhora que pretendia fazer algo de diferente na altura da Festa de Nossa Senhora do Rosário e decidiu fazer este doce que se tornou a “sobremesa dos pobres”.

Quanto aos cuidados a ter, Fernanda revela que o pão (biju), que deve ser deixado de um dia para o outro, deve ser cortado na horizontal, sem as pontas e a canela deve ser acrescentada em quantidade suficiente para não ficar demasiado amarga.

Por fim, o pão molhado na calda vai ao forno durante cerca de 20 minutos.

Ana Regina Ramos e Hugo Pinto

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

error: Este conteúdo está protegido!!!