34ª jornada da II Liga: A jornada das reviravoltas

Reviravoltas, quedas, incertezas na manutenção e na subida de divisão. A 34ª jornada foi marcada pelo sobressalto, mas também ajudou a definir alguns destinos – para o bem e para o mal.

Sábado, 1 de abril: Aves 1 – 0 Santa Clara

A 34ª jornada da Segunda Liga começou em casa do Desportivo das Aves, que derrotou o Santa Clara, por 1-0.

O Aves entrou no jogo decidido a continuar na luta por um lugar na I Liga e, logo aos 14 minutos, Ericson abriu o marcador.

A equipa do Santa Clara tinha, também, a possibilidade de lutar pela promoção, mas o ataque ficou aquém das expectativas. Os 51 pontos mantiveram-se e a esperança na subida esmoreceu.

A vitória mantém o Desportivo das Aves na luta pela subida de divisão, no segundo lugar da tabela classificativa.

Sporting de Braga 4 – 2 Freamunde

O Sporting de Braga recebeu o Freamunde, este sábado, num jogo cheio de golos. A equipa da casa conquistou os três pontos, com uma vitória por 4-2.

O jogo começou bem para o Braga. Rodrigo Pinho trocou a equipa A pela B e, aos 21 minutos, marcou o primeiro golo. Minutos depois, Joca fazia o 2-0.

Na segunda parte da partida, o Freamunde ‘acordou’ e, aos 59 minutos, Digo Ramos reduziu a vantagem do clube minhoto, fazendo o 2-1.

Faltavam cerca de quinze minutos para o apito final, quando Joca fez o 3-1 e Rúben Alves o 4-1. Diogo Ramos ainda bisou, a 1 minuto do fim, mas a vitória acabaria por pertencer ao Braga, que conseguiu, assim, alcançar o oitavo lugar.

Domingo, 2 de abril: Gil Vicente 1 – 0 Académica

O Estádio Cidade de Barcelos assistiu, este domingo, à terceira vitória consecutiva do Gil Vicente, na II Liga. Desta vez, frente ao Académica de Coimbra, por 1-0.

A partida tinha começado há mais de meia hora, quando a equipa gilista aproveitou um deslize do guarda-redes do Académica para marcar o golo da vitória. O capitão, Ricardo Ribeiro, foi o autor do golo do Gil Vicente.

Depois desta derrota, o Académica desceu ao sexto lugar e tem, agora, as contas complicadas para a subida ao escalão superior.

Sporting da Covilhã 1 – 0 Cova da Piedade

O Sporting da Covilhã bateu, este domingo, o Cova da Piedade, por 1-0.

O Cova de Piedade teve duas boas oportunidades de golo ainda nos primeiros 45 minutos da partida. Aos 7 minutos, Dieguinho tentou abrir o marcador, bem como Ricardo Barros, aos 17 minutos, mas ambos os remates saíram ao lado.

O jogo ficou decidido antes do final da primeira parte, com um golo da equipa da casa, por intermédio de Harramiz, ao minuto 41 da partida.

A equipa dos serranos ficou reduzida a dez jogadores, após a expulsão de Djikine, cerca de 10 minutos antes do final do jogo. Com a vantagem no número de jogadores, o Cova da Piedade conseguiu pressionar os leões da serra e a bola chegou mesmo a entrar na baliza da equipa adversária. O lance foi, porém, anulado, já que um jogador do Cova da Piedade desviou a bola com o braço.

Académica de Viseu 2 – 2 Leixões

O jogo do Académica de Viseu frente ao Leixões ficou marcado por muitos golos e reviravoltas. As equipas somaram um ponto, esta jornada, com um empate a duas bolas.

Os viseenses inauguraram o marcador, aos 18 minutos da partida, com um golo de Bura. O marcador manteve-se no 1-0, com vantagem para o Académica de Viseu, até aos 63 minutos. Um golo de Fatai permitiu ao Leixões chegar ao empate.

A equipa de Francisco Chaló teve direito a uma grande penalidade, aos 81 minutos, e Bruno Lamas fez o segundo golo do Leixões.

A equipa da casa ficou a perder até ao final do jogo, mas a reviravolta acabaria por chegar já nos 90+5 minutos, por intermédio de Zé Pedro.

Sporting B 5 – 1 Olhanense

O Sporting B goleou o Olhanense, este domingo, por 5-1. Gelson Dala fez poker para a equipa leonina.

O jogo ainda só tinha começado há 3 minutos e já Gelson Dala fazia prever que aquele seria o seu dia, com um golo. Repetiu o feito três vezes: aos 9, 45 e 58 minutos. Pelo meio, Pedro Delgado também fez um dos golos da vitória.

Os três pontos conquistados pelo Sporting B – já pelo sexto jogo consecutivo – permitiram à equipa subir mais um lugar na tabela classificativa, para a 12ª posição.

Varzim 1 – 1 Penafiel

O Varzim recebeu o Penafiel em casa e esteve a vencê-lo, por 1-0, até ao final da partida, mas a equipa penafidelense roubou-lhes dois pontos, no último minuto.

A equipa da casa chegou ao fim do jogo com um golo de vantagem sobre o Penafiel. O marcador já marcava 90+4 minutos, o último minuto da partida, quando Gonçalo Abreu marcou o golo do empate.

A perda dos dois pontos veio dificultar a vida dos poveiros, que, apesar de seguirem no terceiro lugar, estão já a nove pontos do segundo classificado.

O Penafiel garantiu a 11ª posição e tem uma vantagem de seis pontos que lhe garante, para já, um dos lugares do play-off de manutenção.

Vizela 2 – 1 Portimonense

Reviravolta é a palavra que melhor descreve o jogo entre o Vizela e o Portimonense. A perder desde os 18 minutos, a equipa da casa marcou os dois golos da vitória já depois dos 80 minutos.

Os líderes da tabela classificativa abriram o marcador com um golo de Fabrício. Minutos depois, ficaram sem um jogador: Ivo foi expulso, dando ao Vizela uma grande penalidade, falhada por Elizio.

Ao minuto 80, Felipe Augusto marcou o golo do empate e, seis minutos depois, bisou e deu à equipa os três pontos da vitória.

Benfica 0 – 4 União da Madeira

O Benfica sofreu, este domingo, a terceira derrota consecutiva, em casa. O União da Madeira goleou a equipa encarnada, por 4-0.

Na primeira parte do jogo, o marcador já ia com um avanço de dois golos para o União da Madeira. Luís Carlos inaugurou o marcador, aos 21 minutos, e passados 10 minutos, Amissi fez o 2-0. Nsor foi o responsável pelos dois golos da segunda parte.

O Benfica caiu, assim, para o sétimo lugar da tabela classificativa e o União da Madeira, por sua vez, ascendeu à quarta posição.

Famalicão 0 – 0 Vitória de Guimarães B

O jogo entre o Famalicão e o Vitória de Guimarães B terminou sem golos para ambas as partes.

Os vitorianos entraram bem na partida e pregaram um susto à equipa da casa, com um remate de cabeça protagonizado por Bruno Mendes, logo aos 16 minutos, mas não passou disso. O segundo remate chegou aos 33 minutos e só na segunda parte é que a bola voltou a estar perto das balizas.

O Famalicão não conseguiu conquistar os pontos necessários para subir a uma posição confortável e mantém-se nos últimos lugares da tabela classificativa.

Fafe 1 – 2 FC Porto B

O Fafe foi derrotado em casa pelo FC Porto B, por 1-2 e está agora mais perto de poder descer de divisão.

Uma grande penalidade logo aos 2 minutos do jogo colocou os dragões em vantagem, por intermédio de Kayembe.

O empate acabaria por chegar na segunda parte, através de um livre. Alan Júnior fez o empate.

A equipa azul e branca demorou apenas quatro minutos a responder, com um golo de Galeno.

Estava fechado o resultado.

O FC Porto conquistou três pontos que lhe permitiram ultrapassar o Covilhã, o Académica de Viseu e o Cova da Piedade. O Fafe saiu do nono jogo sem vencer com apenas 35 pontos, no antepenúltimo lugar.

Mónica Moreira

Deixe um comentário

error: Content is protected!