Cerca de 150 mil pessoas passaram pelo Penafiel Racing Fest

Foto: Ana Regina Ramos

Mais de 300 pilotos, seis desportos motorizados e cerca de 150 mil pessoas foram os ingredientes reunidos em Penafiel no passado final de semana, de 2 a 4 de junho, para o primeiro festival de desporto motorizado. A receita trouxe um milhão de euros – estimados – para o concelho.

c
Foto: Carlos Nemeth

Penafiel preparou-se para receber o Racing Fest: umas bancadas na Avenida Central, marcadores de início da corrida, um pódio em frente à Assembleia Municipal e outro no Parque de Feiras e Exposições e vários amantes do desporto motorizado a assistir.

O evento é “único no país”, segundo o Presidente da Câmara, Antonino de Sousa, e reuniu seis modalidades de provas distintas de duas e quatro rodas, assim como os melhores pilotos e praticantes das várias modalidades do desporto motorizado, a nível nacional.

Do programa fizeram parte as competições Rally Taça Joaquim Santos, Superenduro Urbano, Trial Urbano 4×4, Rally de Regularidade Históricos, Drag Race e Corrida Popular de Motos 50cc.

As principais provas passaram pelo centro urbano da cidade, nomeadamente a Avenida Sacadura Cabral e Campo da Feira, bem como, a zona circundante do Jardim do Sameiro e na variante do Cavalum (próximo ao Parque da Cidade), sendo o centro nevrálgico, no Parque de Feiras e Exposições de Penafiel. O evento estendeu-se ainda às freguesias de Guilhufe e Urrô, Irivo e Rans.

a
Foto: Carlos Nemeth

Para Óscar Coelho, do Racing Fest, o objetivo do evento, que “triplicou as expectativas”, “é colocar Penafiel no roteiro do desporto motorizado”.

Um milhão de euros é o retorno e impacto económico que a organização estima que o evento, que Antonino de Sousa afirma que “veio para ficar”, atingiu, no concelho.

 

 

 

Sigam-nos em:

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta