Porto: Concurso de textos de amor do Museu Nacional da Imprensa tem 12 finalistas

Foto: Ana Regina Ramos

Já são conhecidos os finalistas do 19.º Concurso Textos de Amor Manuel António Pina, uma iniciativa do Museu Nacional de Imprensa, localizado no Porto. São 12 e são provenientes de vários pontos do país.

O concurso decorreu em fevereiro e recebeu cerca de 400 textos, sendo que os melhores (em prosa e poesia), selecionados pelo júri, são de: Ana Cláudia Ramalho dos Santos, Ana Conceição Bernardo, Ana Filipa Ferreira de Pinho, Ana Rita Rocha, António Gonçalves, Filipe Volta Milheiro Lima, Maria Dolores Garrido, Maria Eduarda Mota de Campos, Nelson Ferraz, Rita Tavares, Rui Alberto Cruz de Sousa e Tânia Sardinha Vieira.

Os vencedores serão anunciados no dia 14 de dezembro, no Museu Nacional de Imprensa. A sessão está marcada para as 15h30 e incluirá a entrega de prémios e uma leitura de poemas de Manuel António Pina (1943-2012), um escritor e jornalista português que venceu o Prémio Camões em 2011. Integrou o iúri das nove primeiras edições do concurso e, depois da sua morte, a direção do museu decidiu torná-lo patrono da iniciativa.

O júri é composto por Luísa Paolinelli (Universidade da Madeira), Pires Laranjeira (Universidade de Coimbra) e Luiz Humberto Marcos (professor no ISMAI e diretor do museu).

Este concurso literário foi lançado em 2001 e “pretende estimular a revelação de novos autores, apelando à escrita de textos de carácter amoroso”, refere um comunicado do museu. A próxima edição vai decorrer já em fevereiro.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta