32.ª Jornada I Liga: Luta pelo título passa para a próxima jornada

Nesta 32.ª jornada nada ficou decidido relativamente ao campeão da I liga de futebol. O FC Porto, apesar de um jogo difícil, venceu por 2-1 o Casa Pia AC. O SC Braga, terceiro classificado, goleou o CD Santa Clara por 5-3 e também ainda mantém a luta pelo segundo lugar. 

Sexta-feira, 12 de maio: Gil Vicente FC 3 – 1 Boavista FC 

O Gil Vicente FC garantiu definitivamente a manutenção direta na I Liga de futebol, ao receber e vencer o Boavista FC por 3-1. Necessitava apenas de um empate para assegurar a permanência no principal escalão de futebol português. 

Aos 38 minutos, o Gil Vicente FC ganhou vantagem no jogo. Pedro Tiba deixou em Kanya Fujimoto na direita, o nipónico cruzou para o coração da área onde apareceu Fran Navarro a finalizar. A equipa axadrezada chegou ao empate no segundo tempo, aos 55 minutos, por Seba Pérez, que começou e acabou a jogada.   

Os gilistas passariam para a frente aos 64 minutos, novamente pelo seu goleador de serviço: Fran Navarro. Aos 81 minutos, o Gil Vicente FC deu uma machadada nas aspirações axadrezadas, com o 3-1, marcado por Murilo, na conversão de uma grande penalidade.   

Com esta vitória, o Gil Vicente FC conserva o 14.º lugar da prova, com 34 pontos, enquanto o Boavista FC é 11.º, com 40 pontos. 

Sábado, 13 de maio: GD Chaves 2 – 0 FC Paços de Ferreira 

O FC Paços de Ferreira complicou ainda mais as suas aspirações de permanência ao perder contra o GD Chaves. Os pacenses, que se viram reduzidos a 10 ainda na primeira parte, com o segundo cartão amarelo de Paulo Bernardo, aos 42 minutos, acabaram por ceder na segunda metade, devido aos golos de Obiora, aos 52′, e de João Teixeira, aos 79′. 

Com esta vitória, os flavienses destacam-se no sétimo lugar, com 46 pontos, enquanto os pacenses mantêm o 17.º e penúltimo lugar, com 20. 

FC Vizela 0 – 0 FC Famalicão  

O FC Vizela e o FC Famalicão empataram a zeros, resultado que deixa os vizelenses fora da corrida à Europa.  

Os vizelenses estão em nono na tabela classificativa, com 40 pontos, enquanto os famalicenses são oitavos, com 43. 

Sporting CP 2 – 1 CS Marítimo 

O Sporting CP venceu o CS Marítimo por 2-1, depois de estar a perder até aos 85 minutos. Vítor Costa adiantou os insulares aos 10 minutos e a reviravolta surgiu com um autogolo de Matheus Costa e um remate certeiro de Coates.  

Já com a confusão e os confrontos físicos instalados, o CS Marítimo voltou a empatar por Riascos, mas foi o VAR a anular a festa dos visitantes. Ainda pelo meio, Adán terminou expulso e Paulinho assumiu a baliza por instantes até ao apito final.  

O Sporting CP mantém a quarta posição, com 70 pontos, menos quatro que o SC Braga (terceiro classificado). Já o CS Marítimo é 16.º, com 23 pontos.  

Domingo, 14 de maio: Rio Ave FC 0 – 1 Vitória SC 

O Vitória SC garantiu o apuramento para a Liga Conferência Europa da próxima época, depois de vencer por 1-0 na visita ao Rio Ave FC. Em Vila do Conde, o médio Tomas Händel, aos 55 minutos, garantiu os três pontos e o lugar europeu para os vimaranenses, frente a um tranquilo Rio Ave FC, que segue no 12.º posto, com 39 pontos. 

Com este triunfo, o Vitória SC sobe ao quinto lugar, com 50 pontos. Já o Rio Ave FC é 12.º, com 39. 

SC Braga 5 – 3 CD Santa Clara 

O SC Braga venceu o CD Santa Clara por 5-3, resultado que mantém os minhotos na corrida ao segundo lugar. Cedo a equipa bracarense se adiantou no marcador, com um golo de Ricardo Horta, aos 10 minutos, mas o CD Santa Clara, que estava obrigado a vencer para poder ainda discutir a manutenção direta, reagiu e igualou, aos 17 minutos, por Matheus Babi, de penálti. 

O SC Braga recuperou do golpe e chegou ao intervalo a vencer já por 3-1, após os tentos de Niakaté, aos 35′, e de Abel Ruiz, aos 45’+5′, tendo ainda permitido que os açorianos voltassem a igualar na reta final da partida, com o ‘bis’ de Matheus Babi, aos 70′, na conversão de outro penálti, e um golo de Boateng, aos 85′.   

Com o triunfo, o SC Braga conta com 74 pontos, menos dois do que o FC Porto, segundo classificado, enquanto o CD Santa Clara é 18.º e último, com 19 pontos. 

FC Porto 2 – 1 Casa Pia AC 

O FC Porto instalou-se desde logo no meio-campo do adversário, mas foi o Casa Pia AC a abrir o marcador mesmo em cima do intervalo: Poloni bateu um livre à direita e Evanilson desviou para a própria baliza, traindo Diogo Costa. 

Aos 57 minutos, foi quando os dragões chegaram ao empate através de Taremi. Foi já no período de descontos, após muita insistência, que o FC Porto chegou ao 2-1. 

O FC Porto mantém a segunda posição, agora com 79 pontos, menos quatro do que o rival SL Benfica. O Casa Pia AC é décimo, com 40 pontos.  

Segunda-feira, 15 de maio: GD Estoril Praia 2 – 0 FC Arouca 

O GD Estoril Praia assegurou a manutenção na I Liga portuguesa de futebol, ao vencer em casa o FC Arouca, por 2-0. João Carvalho (68 minutos) e Cassiano (90’+4′) marcaram os golos da partida, permitindo aos ‘canarinhos’, na 15.ª posição, somar 31 pontos. 

O FC Arouca mantém-se na sexta posição, última de acesso à Liga Conferência Europa, com 48 pontos, a dois do Vitória SC (quinto). O GD Estoril Praia é 15.º, com 31 pontos.  

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

error: Este conteúdo está protegido!!!