6.ª Jornada I Liga: FC Paços de Ferreira continua sem pontuar

Foto: Ana Regina Ramos/Canva

O FC Paços de Ferreira continua sem conquistar qualquer ponto na I Liga. No jogo com o Casa Pia AC, foi a equipa do Norte que inaugurou o marcador e fez três tentos e a formação de César Peixoto ainda reduziu nos minutos de desconto da segunda parte, mas não foi suficiente para ganhar os três pontos.

Sexta-feira, 09 de setembro: Vitória SC 1 – 0 CD Santa Clara 

O Vitória SC regressou às vitórias ao vencer em casa o CD Santa Clara por 1-0. No Estádio D. Afonso Henriques, os vimaranenses puseram fim a uma série de três derrotas consecutivas, graças a um golo de Anderson, aos 48 minutos. 

O Vitória SC está em nono lugar, com nove pontos. Já o CD Santa Clara somou a quarta derrota em seis jogos e continua em zona de ‘play-off’ de despromoção, com apenas quatro pontos somados, em 16.º lugar. 

 

Sábado, 10 de setembro: FC Famalicão 0 – 1 SL Benfica 

Rafa Silva, das águias, foi quem marcou o golo da vitória, aos 63 minutos de jogo. A primeira parte foi muito equilibrada no que toca a disputa de bola, com ambas as equipas muito motivadas em atacar, mas com o SL Benfica a ter mais posse de bola. A equipa da casa ainda conseguiu colocar a bola na baliza, mas o lance foi antecedido por uma falta.   

O FC Famalicão é 15.º, com apenas quatro pontos, enquanto o SL Benfica é primeiro, com 18. 

FC Porto 3 – 0 CD Chaves 

O iraniano Taremi marcou logo aos três minutos de jogo no Estádio do Dragão. O guardião do CD Chaves negou os golos dos azuis e brancos aos 11 e aos 22 minutos. Os flavienses não desanimaram com o golo sofrido e foram-se aventurando cada vez mais no ataque. 

Evanilson, já na segunda parte, deu mais conforto ao resultado. Aos 70 minutos, com uma jogada com Taremi, foi só encostar para golo. André Franco aproveitou um erro de Paulo Vítor para sentenciar a partida, a oito minutos dos 90, estreando-se a marcar pelos campeões nacionais. 

O FC Porto ocupa a terceira posição da tabela, com 15 pontos, menos três que o rival SL Benfica (primeiro lugar). Já o CD Chaves é décimo, com oito pontos. 

 

Domingo, 11 de setembro: FC Paços de Ferreira 2 – 3 Casa Pia AC 

Adrián Butzke deu vantagem à equipa comandada por César Peixoto, aos 17 minutos, mas o nigeriano Godwin, aos 57′, e os brasileiros suplentes Neto, aos 60′, e Clayton, aos 74′, assinaram os tentos da formação lisboeta, antes de o avançado espanhol do FC Paços de Ferreira ter reduzido a desvantagem, aos 90’+6′. 

O Casa Pia AC somou o seu quarto jogo sem perder e ocupa o sexto lugar, com 11 pontos, enquanto o FC Paços de Ferreira continua sem pontuar na I Liga e está em 17.º. 

CS Marítimo 1 – 2 Gil Vicente FC  

Fran Navarro, aos 48 e 85 minutos, marcou os dois golos dos minhotos, anulando a vantagem obtida por Léo Andrade, aos 27′, para os madeirenses, na estreia do treinador João Henriques, que sucedeu a Vasco Seabra. 

Com este resultado, o Gil Vicente FC está no 11.º lugar, com oito pontos, enquanto o CS Marítimo mantém-se no 18.º e último lugar, ainda sem pontuar na I Liga. 

FC Arouca 1 – 2 Boavista FC 

Sasso, aos 31 minutos, e Martim Tavares, aos 70’, conseguiram a reviravolta ‘axadrezada’, depois de Rafa Mujica ter dado vantagem à formação comandada por Armando Evangelista.  

A equipa da casa, aos 10 minutos de jogo, ficou reduzida a 10 jogadores, por atribuição de vermelho direto a Soro. Já aos 84′, o FC Arouca ficou com menos um jogador, por expulsão de Opoku. 

O Boavista FC subiu ao quarto lugar, com 12 pontos, enquanto o FC Arouca, que somou o terceiro jogo sem vencer, ocupa o 12.º posto, com sete. 

Rio Ave FC 2 – 3 SC Braga 

Al Musrati, aos 11 minutos, Iuri Medeiros, aos 25′, e Ricardo Horta, aos 69′, marcaram os golos dos bracarenses. Já os tentos do Rio Ave FC foram apontados por Boateng e Aziz.  

O Rio Ave FC prossegue no 14.º lugar, com cinco pontos. Já o SC Braga é segundo classificado, com 16 pontos, mais um que o terceiro FC Porto e menos dois que o primeiro SL Benfica. 

 

Segunda-feira, 12 de setembro: FC Vizela 0 – 1 GD Estoril Praia 

Erison Danilo marcou, aos 28 minutos, o único golo da partida, antes de Osmajic (42′) desperdiçar uma grande penalidade para os vizelenses, que terminaram reduzidos a 10 elementos, depois da expulsão de Tomás Silva aos 73 minutos. 

Com este triunfo, o GD Estoril Praia subiu ao oitavo lugar, com 10 pontos, enquanto o FC Vizela é 13.º, com cinco. 

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta