Portugal Fashion regressa ao Porto em outubro com edição presencial e digital

Foto: Ana Regina Ramos

A 47.ª edição do Portugal Fashion vai decorrer entre os dias 15 e 17 de outubro, num modelo híbrido, digital e presencial, na Alfândega do Porto.

Através da criação da plataforma online Portugal Fashion TV Digital, o evento poderá transmitir de forma contínua os desfiles em live streaming e uma programação de moda, com entrevistas, reportagens e outros conteúdos digitais. Além disso, esta edição vai também privilegiar os desfiles em espaços exteriores.

Este modelo híbrido está a ser igualmente implementado nos desfiles internacionais do Portugal Fashion durante em setembro durante as fashion weeks de Londres e Milão, em que participam Marques’Almeida, Alexandra Moura, David Catalán e Miguel Vieira. A organização ressalta, por isso que esta edição “se enquadra nas medidas que o Portugal Fashion definiu para proteger a saúde e garantir a segurança sanitária de todos aqueles que participam no evento” e que “vai decorrer em estreita articulação com as autoridades locais e nacionais de saúde e em escrupulosa observância das regras de contenção da pandemia estabelecidas pela DGS”.

Na passerelle da 47.ª edição do evento, vão ser reveladas as coleções primavera-verão 2021 de criadores e marcas como Alexandra Moura, Alves/Gonçalves, David Catalán, Hugo Costa, Luís Onofre, Maria Gambina, Marques’Almeida, Miguel Vieira, Katty Xiomara, Sophia Kah, entre outros nomes da moda portuguesa e muitos designers promissores. Haverá ainda a estreia da marca de menswear dos jovens designers Reid Baker e Inês Amorim, Ernest W. Baker, que integrou, em julho, o calendário oficial da Semana de Moda de Paris e está à venda em Itália, Canadá, Japão, Hong Kong, China e Coreia do Sul.

O Portugal Fashion é um projeto da responsabilidade da ANJE – Associação Nacional de Jovens Empresários, que conta com o apoio dos seus parceiros estratégicos e é cofinanciado pelo Portugal 2020, no âmbito do Compete 2020 – Programa Operacional da Competitividade e Internacionalização, com fundos provenientes da União Europeia, através do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta