25.ª Jornada da I Liga: Moreirense FC faz Sporting CP deslizar

Imagem: Ana Regina Ramos/Canva

Depois de várias jornadas sem vencer, o Boavista FC regressou aos triunfos frente ao Belenenses SAD. Já o Vitória SC continua sem ganhar, o que levou à demissão do treinador João Henriques. Bino Maçães, que estava na liderança da equipa B, é o substituto para a equipa principal do clube vimaranense.

Sábado, 03 de abril: Rio Ave FC 0 – 2 Gil Vicente FC

Talocha, aos 76 minutos, na conversão de uma grande penalidade, e o brasileiro Samuel Lino, aos 90’+6′, marcaram os golos do triunfo da formação de Barcelos, que depois do castigo máximo jogou em superioridade numérica, devido à expulsão do também ‘canarinho’ Filipe Augusto.

O Gil Vicente FC, que somou a terceira vitória consecutiva na competição, está em décimo lugar, com 28 pontos, mais um do que o Rio Ave FC, 11.º, que não perdia há três jogos.

FC Porto 2 – 1 CD Santa Clara

Logo aos oito minutos, Carlos Júnior desviou a bola para o fundo das redes, mas estava em posição irregular. Já os ‘dragões’ mostravam-se pouco agressivos no ataque, alternando jogadas previsíveis com uma ou outra ameaça vinda de longe, pelo suspeito do costume. Marega, com um cruzamento traiçoeiro, obrigou Marco Pereira a uma defesa apertada e, na resposta, Nené (26′) apareceu sozinho ao segundo poste para uma grande oportunidade salva por Marchesín.

O segundo tempo arrancou praticamente com o golo portista. Otávio isolou Taremi, com o iraniano a ser derrubado na área pelo guardião do CD Santa Clara, e Sérgio Oliveira fez o 1-0. Um golo de Toni Martínez, no último minuto de descontos, garantiu ao FC Porto um triunfo suado na receção ao CD Santa Clara, por 2-1.

O FC Porto mantém o segundo posto, com 57 pontos, enquanto o CD Santa Clara está em sétimo, com 32.

 

Domingo, 04 de abril: Belenenses SAD 0 – 2 Boavista FC

Os ‘axadrezados’ adiantaram-se no marcador aos 44 minutos, por Angel Gomes, e consumaram o triunfo, o segundo na condição de visitantes esta temporada, com um golo de Elis, aos 59′.

Angel Gomes acabou expulso aos 69 minutos pelo árbitro Vítor Ferreira, ao ver dois amarelos em apenas quatro minutos. Aos 64′, por uma falta a meio-campo, e aos 68′, por ter pontapeado a bola para longe após ser-lhe marcada uma falta.

O Boavista FC regressou às vitórias, passando a somar 24 pontos, e está no 15.º lugar do campeonato, já o Belenenses SAD é 14.º, com 26.

Vitória SC 1 – 2 CD Tondela

Depois de duas derrotas e um empate, a formação beirã voltou às vitórias, com o primeiro triunfo como visitante no campeonato, graças aos golos de Mario González, aos 27 e 77 minutos, enquanto os minhotos, que ainda chegaram à igualdade pelo colombiano Óscar Estupiñán, aos 39′, somaram o quarto desaire consecutivo.

Com este triunfo, o CD Tondela subiu para o nono posto, com 28 pontos, enquanto o Vitória SC permanece no sexto lugar, com 35 pontos.

FC Famalicão 2 – 0 FC Paços de Ferreira

O brasileiro Anderson, aos 41 minutos, e o espanhol Iván Jaime, aos 64′, assinaram os golos da segunda vitória seguida dos minhotos, que somam três jogos sem perder, desde que Ivo Vieira assumiu o comando da equipa.

O FC Famalicão está em 12.º lugar, com 26 pontos, enquanto o FC Paços de Ferreira, que somou o quarto desaire seguido como visitante, permanece no quinto posto, com 44.

 

Segunda-feira, 05 de abril: SC Farense 1 – 2 SC Braga

Em Faro, os ‘arsenalistas’ adiantaram-se no marcador aos 29 minutos, com um golo do líbio Al Musrati, mas o SC Farense chegou ao empate ainda na primeira parte, através do brasileiro Pedro Henrique, aos 34′. Aos 90’+1′, o esloveno Sporar garantiu a vitória do SC Braga.

Com esta vitória, o SC Braga, que vinha de dois jogos sem vencer, está em quarto lugar, com 53 pontos, enquanto o SC Farense é 16.º, com 22 pontos.

Moreirense FC 1 – 1 Sporting CP

O Moreirense FC foi o primeiro a criar perigo quando Rafael Marques, após um grande passe de Filipe Pacheco, ficou isolado e, apesar da pressão dos defesas leoninos, tentou o golo, mas atirou ao lado da baliza leonina.

O aviso ‘acordou’ o leão, que tomou o controlo do jogo, passando boa parte do tempo na grande área adversária, tendo chegado ao golo à passagem do minuto 21 da partida.

Depois de o leão rondar a baliza de Pasinato, mas sem criar oportunidades, saiu dos pés de Daniel Bragança um belíssimo cruzamento que colocou o esférico diretamente em Paulinho que, após um primeiro cabeceamento defendido pelo guardião do Moreirense FC, fez o primeiro golo na recarga e deixou a equipa de Alvalade na frente do marcador.

Os leões voltaram a gritar golo aos 45 minutos, quando Paulinho voltou a bater Pasinato, ao picar a bola por cima do guardião da casa. Contudo, o tento acabou por ser invalidado pelo VAR, devido à posição irregular de Pedro Gonçalves antes de a bola chegar ao avançado leonino.

No segundo tempo, o Sporting CP foi à procura do segundo golo que trouxesse mais segurança ao resultado e Pedro Gonçalves, aos 58′, fez abanar as redes, mas o tento acabou invalidado por posição irregular.

O leão não matou o jogo e foi o Moreirense FC a fazer o golo: Walterson, aos 90 minutos, assinou um golaço que recolocou a igualdade no marcador. O Sporting CP volta a ser travado na I Liga, somando o quinto empate esta época e vê o FC Porto a aproximar-se, ficando a oito pontos dos leões. Já o Moreirense FC está em oitavo, com 31 pontos.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta